sexta-feira, maio 08, 2009

Pode ser uma esperança, porque não

5 comentários:

SILÊNCIO CULPADO disse...

Raul

Uma percentagem expressiva de doentes com cancer conseguem a cura.
É fundamental que cada doente acredite que se cura e não se deixe apanhar pelo desânimo. A uma velha tia minha, falecida recentemente com 87anos, foi-lhe diagnosticado um cancer quando ela tinha 41 anos.Fez mastectomia dupla, retirou os ovários e o útero e uma ponta dum pulmão.Viveu 46 anos em perfeita saude. Morreu de coração.
Amigo, estou em crer que essa doença já não é propriamente um papão se for diagnosticada a tempo e devidamente tratada e acompanhada.
Acreditar, acreditar sempre.
Abraço

contradicoes disse...

Pois cara amiga eu estou à espera que me chegue do Brasil este produto que me vai ser enviado pelo meu cunhado. E como sou um crente nos produtos naturais daí acreditar que a minha cura não se deve exclusivamente, à cirurgia a que fui submetido, nem aos tratamentos de quimioterapia, tomei vários litros de xarope de Aloé Vera, vou também experimentar este produto.
Um abraço

Carmem L Vilanova disse...

Querido amigo!
Estive ausente por alguns meses, mas agora estou de volta para ficar, com um blog renovado e cheio de novidades.
Espero poder seguir contando com sua amizade de sempre!
Beijos, flores e meus eternos sorrisos!

PS: Espero que estejas melhor de tua saude!

Å®t Øf £övë disse...

Raul,
O importante é que a ciência continue ao serviço da humanidade, e que se façam cada vez maiores progressos em busca de menos sofrimento para nós comuns mortais.
Abraço.

jardinsdeLaura disse...

Contradições,
Claro e porque não?! Encontrar na natureza uma soluçâo para os nosso problemas afinal não é novo! Certo? Seria só mais uma e que bom qeu seria para todos nós!