sábado, julho 26, 2008

Privatize-se já a TAP. Afinal do que é que estão à espera os governantes

Tanto a TAP como a CP, dois dos elefantes brancos que ao longo dos anos têm representado um enorme peso para o Orçamento do Estado na cobertura dos sucessivos prejuízos de exploração, continuam a ser as empresas públicas que não conseguem inverter esta tendência.
Jerónimo de Sousa manifestou preocupação com o facto da transportadora aérea poder vir a ser privatizada ignorando os sucessivos prejuízos de exploração que esta tem acumulado ao longo dos anos e para os quais têm contribuído vários factores nomeadamente as grelhas salariais que se praticam na empresa, os benefícios concedidos aos funcionários em viajaram gratuitamente para vários destinos e ultimamente o agravamento dos preço dos combustíveis que já levaram a actual administração a suprimir alguns voos para tentar minimizar os inevitáveis prejuízos. Mas com tudo isso os trabalhadores da transportadora aérea sentem-se no direito de reclamar melhoria da sua massa salarial porque entendem que devem ser os contribuintes em geral a continuar a suportar com os seus impostos os prejuízos que esta Empresa Pública tem vindo a acumular. Não se justifica e já há muito tempo que os governos deveriam ter tido a coragem de privatizar a TAP porque e sobretudo nesta altura em que a contenção orçamental continua a ser uma imposição de Bruxelas, esta medida esta a pecar por tardia. Por isso privatize-se a TAP e já.

3 comentários:

Boca no Trombone disse...

Interessante! Aí como aqui somos a maioria da população a favor da privatização de empresas estatais muitas vezes deficitárias e só trás prejuizo aos cofres ´públicos.

Abraço

AP disse...

O Estado nunca foi um bom gestor e a TAP é um exemplo flagrante!
Empresas públicas já deviam estar todas privatizadas.

Å®t Øf £övë disse...

Raul,
Estou plenamente de acordo. Se a privatização já fosse uma realidade, tenho a certeza que a TAP já seria hoje uma empresa bem lucrativa. Aliás como quase tudo que é privado, em antagonismo a quase tudo que é publico. Porque será???!!!
Abraço.