quarta-feira, fevereiro 21, 2007

O apoio da direcção do PSD ao Alberto João, não abona a seu favor

Até porque o próprio Marques Mendes já demonstrou não morrer de amores por Alberto João daí ser incompreensível ter o líder do PSD e a direcção do partido manifestado apoio na decisão de se demitir como retaliação à aprovação da Lei das finanças regionais. Esta atitude vai provocar um gasto desnecessário pois como será de esperar ele voltará a assumir a sua posição e não adiantará nada em tê-la tomado porquanto isso não irá alterar em nada a posição do Governo. Vamos todos ficar a ver se ele tal como todos os restantes gestores de dinheiros públicos vai conseguir gerir o orçamento de região da Madeira, sem praticar os habituais desvarios que têm merecido sucessivas chamadas de atenção por parte dos relatores do Tribunal de Contas, quando fiscalizam as contas de gerência daquele região autónoma e o seu contínuo desrespeito por essas recomendações.

4 comentários:

Pedro disse...

Quem é que tem medo de dar a "voz" ao povo???

Carlos a.a. disse...

Não, não abona, ainda por cima e para cúmulo, o João Jardim até tem razão!
Ao que isto chegou!
Abraço

Diogo disse...

Um palhaço espertalhão, que há muito devia estar preso, continua a gozar com a população do continente e das ilhas, graças à inoperância de politicozecos de opereta.

Quintanilha disse...

Porque será que o gajo não reclama a independência?