sábado, dezembro 02, 2006

Mau serviço prestado pela Câmara Municipal de Oeiras

Desde o início do verão que me vejo confrontado com a presença de baratas na zona da cozinha o que me vem causando preocupação pese embora a tentativa infrutífera da sua total eliminação. Consegui concluir que as ditas sobem pelo esgoto do lava-loiças donde já vi aparecer algumas saídas do ralo.
Hoje recebi na qualidade de administrador uma reclamação duma condómina residente no rés-do-chão que se tem visto confrontada com o mesmo tipo de problema. Respondi-lhe já me debater com esse problema desde o início do Verão. Entretanto fiquei a saber através da pessoa encarregada do limpeza da escada do nosso prédio que também presta esse mesmo tipo de serviço noutros prédios ao lado que também se debatem com o mesmo tipo de problema.
Ou seja a rede de esgotos domésticos, cuja responsabilidade de manutenção para isso pagamos ao município as taxas que nos são exigidas encontram-se infestadas de baratas que por sua vez nos invadem os apartamentos que se encontram localizados na Rua da Quinta das Palmeiras, junto da Agência Nova Oeiras, da Caixa Geral de Depósitos, porque a Câmara Municipal de Oeiras não está a proceder persistentemente à sua
desinfestação, prejudicando assim os munícipes aqui residentes.
Lembrando o slogan de Isaltino de Morais, vale a pena viver em Oeiras com as casas infestadas de baratas provenientes da rede de esgotos domésticos que não são devidamente desinfestados desta praga?
Obviamente que não.

3 comentários:

mfc disse...

Essa é uma praga de difícil libertação!

carteiro disse...

É, infelizmente essa praga têm que ser combatida quase diariamente quando não há limpeza e mudança de habitos venenosos.
Um abraço de amizade
paulo

contradicoes disse...

Pois caro Paulo a minha mulher está à beira dum ataque de nervos pois chega a despejar de madrugada os armários de cozinha e vasculhar e limpar tudo minuciosamente e de quando em vez lá aparece uma minúscula. Já inclusivamente quando estava a estender roupa no estendal das traseiras da nossa casa onde se situam as tampas dos colectores dos esgotos domésticos aconteceu uma naquele momento entrar pela janela. É efectivamente lamentável que a CMO
não mande proceder com regularidade à desinfestação da rede de esgotos pois não tenho dúvidas nenhumas que é de lá que elas me invadem a casa, tanto mais que este ano tem sido anormalmente quente e a elevada temperatura à propícia ao desenvolvimento deste tipo de praga.
Um abraço do Raul