sábado, agosto 25, 2007

O Governo devia fazer um acordo com o S. Pedro, face à sua intervenção no combate aos fogos florestais

Mal o tempo aqueceu um pouco mais e apareceram rajadas de vento dois elementos fundamentais na propagação dos fogos e nesta semana que terminou não faltou o registou em várias zonas do País de fogos florestais. O negócio do combate aos incêndios está no terreno e floresce. O êxito no combate é que praticamente não se vê, não fora a ajuda do S. Pedro o padroeiro da chuva que nos brindou neste fim de semana com o seu aparecimento e limpou o País de qualquer tipo de fogos isto sem custos para o erário público. Eu julgo que nesta circunstância o valor a pagar ás empresas que exploram o negócio do combate aos incêndios deveria ser canalizado para este santo padroeiro que além de não contribuir para a sua deflagração, intervém de forma precisa não permitindo sequer a hipótese de reacendimentos.

1 comentário:

Carreira disse...

O S.Pedro foi a melhor contratação do governo na luta contra os incêndios? Verdade. Mas haverá muita gentes preocupada poruqe este ano não colherá os lucros do filão - INCÊNDIOS.