sábado, dezembro 03, 2005

Refere o “Público” de hoje que as dívidas da autarquia
lisboeta ascendem a quase mil milhões de euros


Sendo que um terço deste valor refere-se à dívida para com a
Caixa Geral de Depósitos. Seria interessante sobre isto conhecer
a opinião do presidente da associação dos municípios, pois
sendo ele um tão grande defensor do poder local e sobretudo
dos seus representados e um tão grande critico do procedimento
do governo quanto ao corte nos apoios, como poderá ele explicar
uma dívida neste montante quando não havia dificuldades de
financiamento por parte do OE.

2 comentários:

Zecatelhado disse...

Assino por baixo.
Zecatelhado

augustoM disse...

Raul, mas afinal quem é que não deve no nosso país? Estamos mesmo a ver a importância de ser autarca,
ficam imunes ao título de caloteiros. Pessoalmente não gosto nada do presidente da associação de municípios, é certo que quem vê caras não vê corações, mas o gajo para mim tem cara de vigarista.
Um abraço. Augusto