quarta-feira, julho 26, 2006

E vai mais uma contrariedade para Souto Moura, a juntar a tantas outras, mas ele continua a achar que tem condições para exercer o cargo até ao final

Foi hoje conhecido o resultado do acordão do Tribunal da Relação. Os juiz deliberaram que os computadores do jornal "24 Horas", não vão ser abertos. Os desaires do actual Procurador da República, são tantos que dificilmente se conseguem inumerar. Mas com tudo isso, este senhor ainda se acha com credibilidade para continuar a exercer o cargo até ao final do seu mandato. Esta sua reacção espelha bem a qualidade de alguns orgãos
de soberania que estão à frente dos destinos de Portugal mas que nos trazem francamente preocupados.

2 comentários:

bdfytoday disse...

I like it! Good job. Go on.
»

yo4rker disse...

Interesting website with a lot of resources and detailed explanations.
»