quarta-feira, novembro 09, 2005

Como não votei nas últimas legislativas, no PS, considero-me
insuspeito nesta apreciação


Mas achei muito oportunas as respostas dada por José Sócrates,
hoje no parlamento no debate onde se discutiu e apreciou o
orçamento.
Utilizou um tempo certo e a resposta exacta a todos os deputados
da oposição que o atacaram, deixando-os sem argumentos. Até
Marques Mendes que já nos habituou também ao uso dum
determinado tipo de argumentação semelhante à então proferida
pelo cassete Carvalhas, conseguiu embaraçá-lo de tal maneira que
este acabou por repetir numa exemplificação, o mesmo erro na
referência dum valor semelhante a António Guterres.
Esteve bem o Primeiro Ministro, na sua intervenção no parlamento.

6 comentários:

Paula Raposo disse...

Não sei se esteve ou não bem, não vi o noticiário. Venho agradecer a tua passagem ali no meu espaço. Obrigada. Beijos para ti

Pedro disse...

Pelo que vi no noticiário da SIC, parecem não haver dúvidas de que Sócrates foi quem ganhou o debate. Mas, convenhamos que entre o que prometeu em termos de (não) aumento de impostos e a realidade vai uma grande distância...
Quanto a Marques Mendes, está preso pelo que fez (ou não fez) enquanto Ministro do Governo de Durão Barroso...

lazuli disse...

não saias daí...só confirmar um pormenor, Raul

lazuli disse...

Também achei, do pouco que tenho visto de televisão nas ultimas semanas. Raul, fui ver se eras o mesmo. Ri-te, pois..
Um beijinho . fernanda G.

contradicoes disse...

Não tenho qualquer dúvida sobre isso. Se conhecer algum sósia depois digo-te. Um beijinho do Raul

Marco disse...

Acho que esteve bem o Primeiro Ministro, independentemente de se concordar com ele ou não. Não se vê oposição...