segunda-feira, abril 17, 2006

Catar faz doação de US$ 50 milhões à ANP
Dubai, 17 abr (EFE).- As autoridades catarianas ofereceram
hoje uma doação de US$ 50 milhões à Autoridade Nacional
Palestina (ANP), o que o transforma no primeiro Estado
árabe a apoiar o Governo palestino dirigido pelo movimento
islâmico Hamas.
Uma fonte do Ministério de Exteriores, citada pela agência
de notícias catariana "QNA", assegurou que o pagamento
cobre a totalidade da contribuição oferecida pelo Catar, e
explicou que responde a uma resolução aprovada na cúpula
da Liga Árabe realizada em março em Cartum.
A fonte acrescentou que esta decisão se inscreve dentro da
postura do Catar de apoiar o povo palestino.
O Irã ofereceu no domingo à ANP uma ajuda de US$ 100
milhões.
O Governo palestino, dirigido pelo Movimento de
Resistência Islâmica (Hamas), vencedor nas eleições de 25
de janeiro, enfrenta um boicote econômico dos EUA e da
União Européia por se negar a reconhecer o Estado de
Israel.

da EFE

Se a UE julga que criou dificuldades à autoridade palestina
pode desenganar-se pois a solidariedade dos povo árabes
está aqui bem desmonstrada

1 comentário:

Sofocleto disse...

A UE é obrigada a fazer os que os Estados Unidos lhe determinam. Mas a insurreição contra este protectorado mundial está a crescer. As coisas vão-se complicar.