domingo, janeiro 29, 2006

Será que isto levará de novo os italianos a reeleger Berlusconi

ROMA, 29 de janeiro (Reuters) - O primeiro-ministro italiano,
Silvio Berlusconi, é famoso por suas promessas arrojadas,
mas agora foi mais fundo e prometeu não fazer sexo antes
da eleição geral de 9 de abril.

Em comício em Sardinia no sábado, o empresário de mídia
recebeu a bênção do líder religioso da televisão Massimiliano
Pusceddu, que o agradeceu por ser contra o casamento gay
e por defender os valores da família.

"Obrigado, padre Massimiliano, não vou lhe decepcionar e
prometo dois meses e meio de abstinência sexual completa,
até 9 de abril", disse Berlusconi, em comentários divulgados
neste domingo pelo jornal Il Giornale.

Berlusconi, que se casou duas vezes e tem 69 anos, tem
orgulho de sua forma física e, depois de uma plástica no
rosto e de um implante de cabelos, parece mais jovem agora
do que quando chegou ao poder, em 2001.

Ele costuma ser criticado por comentaristas e grupos
feministas pelo uso de piadas sexistas.

Em junho, ele provocou um incidente diplomático com a
Finlândia ao dizer que usara "táticas de playboy" para
convencer a presidente do país a desistir de tentar
estabelecer a agência de alimentos da União Européia em
Helsinque, em favor de Parma, na Itália.

Em entrevista coletiva em 2002, ele elogiou o primeiro-
ministro dinamarquês, Anders Fogh Rasmussen, pela boa
aparência.

"Ele é tão bonito que até pensei em apresentá-lo à minha
esposa", disse Berlusconi, em referência às fofocas políticas
da época de que sua mulher, uma ex-atriz, estava tendo
um caso com um político conhecido de centro-esquerda.


Não admira que ele até possa cumprir a abstinência sexual
uma vez que a idade também ajuda

3 comentários:

PreDatado disse...

E se conseguir a 9 de Abril ter-lhe-emos de dar os parabéns.

Zecatelhado disse...

Eu cá cito não sei quem sobre o assunto:
Quando ouço falar nesse carneiro montez saco logo da pistola"

Um abração do
Zecatelhado

martelo disse...

podiam capá-lo...